Text Size

A&E estreia terceira temporada de Investigação Criminal, série brasileira que revela detalhes de crimes recentes que chocaram o Brasil

 

Casos Friboi, maestro assassinado, dentista queimada viva e maníaco de Ribeirão Pires estão entre os dez abordados na nova temporada

 

Sete dos dez crimes analisados foram cometidos por pessoas que eram do convívio das vítimas

 

Investigação Criminal, uma das séries nacionais mais pungentes e de maior repercussão do A&E, está de volta ao canal para sua terceira temporada, que estreia em 17/10, sexta-feira, às 21h.

 

Com linguagem documental e apuração objetiva, Investigação Criminal apresenta a cronologia dos fatos, a motivação dos criminosos, o contexto e os detalhes técnicos e científicos das investigações de crimes que chocaram o País. Por meio de entrevistas com delegados, peritos criminais e legistas envolvidos nos casos – que explicam cada crime de forma didática, com o auxílio de imagens exclusivas –, a produção monta com exatidão a ordem dos fatos e apresenta elementos desconhecidos dos inquéritos dos crimes.

 

Os assassinatos da dentista queimada viva em São Bernardo do Campo, da jovem Débora e do regente Mário Luiz Borin estão entre os crimes hediondos recentes que mexeram com a opinião pública e que são esmiuçados nesta nova temporada. Além deles, também são lembrados os casos do maníaco de Ribeirão Pires (rapaz que abusava sexualmente das vítimas e depois as estrangulava), do casal de idosos assassinado pelo vizinho, da avó e do neto mortos pelo homem que pouco antes havia jantado com eles, do médico ortopedista da seleção brasileira de tênis de mesa e da monitora de creche Natalina, assassinada a mando do marido.

 

Produção da Medialand para o A&E e, Investigação Criminal busca mostrar ao telespectador um panorama completo de uma investigação criminal, do começo ao fim – desde a análise do local do crime, passando pelas suposições de quem seriam os culpados até o desenho de toda a sequência de ações que levaram à execução do crime.

 

“Toda edição é pontuada pelo suspense. Embora o final da história seja conhecido, poucos sabem como tudo foi descoberto, quais foram as principais provas e como os investigadores chegaram até elas”, afirma Carla Albuquerque, diretora geral da Medialand, a produtora da série. Cada episódio apresenta o trabalho do inquérito policial encabeçado pelo delegado, demonstra como a experiência dos peritos é fundamental no momento de analisar os vestígios do crime e como a palavra final do legista determina como aconteceu a morte.

 

“Tivemos uma excelente resposta da audiência com nossa produção Até que a Morte nos Separe. Embora Investigação Criminal também trate de casos de repercussão nacional, a abordagem nas duas primeiras temporadas foi diferente, pois privilegiava os aspectos técnicos e a função dos vários profissionais envolvidos nas investigações. Nesta nova temporada, uma característica marcante é que 70% dos crimes foram cometidos por pessoas conhecidas e muito próximas das vítimas”, afirma Krishna Mahon, diretora de conteúdo original do Grupo A&E no Brasil.

 

Caso Friboi, primeiro episódio, que o A&E estreia em 17/10, sexta-feira, às 21h, debruça-se sobre o polêmico assassinato do diretor financeiro de uma das maiores empresas do Brasil, o frigorífico Friboi, Humberto Magalhães, em 2008. De origem humilde e, apesar de ter acumulado muito dinheiro e chegado ao ápice da carreira corporativa, o executivo continuava a ser uma pessoa simples e acessível.

 

Ainda que já estivesse vivendo com outra mulher, Humberto era muito ligado à família e jamais poderia imaginar que acabaria sendo assassinato, a mando de sua esposa e mãe de seus dois filhos, Giselma. Ela ainda tentou escapar impune do crime, arquitetando uma trama sinistra para incriminar seu filho mais novo, ainda adolescente, como autor da morte do pai. Mas a Justiça se fez presente nesse caso, e a mandante do assassinato foi condenada a 22 anos de prisão em 2013, juntamente com seu irmão, que executou o crime.

 

Com depoimentos do filho da caçula da vítima, Carlos Eduardo Magalhães, do delegado Rodolpho Chiarelli, do investigador Ricardo Scabar e do promotor José Carlos Consenzo, Investigação Criminal refaz passo a passo dessa dramática e mirabolante história e traça o perfil dos principais personagens envolvidos na macabra trama.

 

Ficha Técnica

Direção Geral: Carla Albuquerque

Roteiro: Beto Ribeiro

Entrevistas: Armando Colucci

Produção Executiva: Carla Albuquerque e Beto Ribeiro

Criado e desenvolvido pela Medialand

 

 

Investigação Criminal – 3ª Temporada

Estreia: sexta-feira, 17/10, às 21h

Episódios inéditos todas as sextas, no A&E

 

 

 

 

Sobre A&E

A&E é o canal de entretenimento geral que oferece séries e filmes com um fator característico: personagens autênticos e histórias emocionantes, chegando a mais de 48 milhões de lares na América Latina. O A&E oferece séries dramáticas como Orphan Black e The Night Shift junto com os A&E Originals, séries produzidas exclusivamente por e para o A&E, como Wahlburgers, Os Tesouros de Barry e Quem Dá Mais?.

Seja inovador… Seja inesperado… Seja apaixonado, A&E Seja Original.
www.canalaetv.com

 

 

Contatos de imprensa:
Fabio Rigobelo / Marco Dabus
(55 11) 3120.9988 / 3120.9980
Press Services Soluções Integradas em Comunicação
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.">Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. / Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.">Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.